Escola do Rei Pelé

 

Início > Imprensa > Detalhe

 

Confira as matérias que saíram na imprensa sobre a Escola do Rei.

 

17/09/2004 12:00 | Criação de Clube é sonho antigo do Atleta do Século

Sexta-Feira, 17 de Setembro de 2004, 07:32 Criação de clube é sonho antigo do Atleta do Século Da Redação O sonho é antigo e agora está se transformando em realidade. A criação do Litoral Futebol Clube é um projeto que o Rei Pelé acalenta desde que parou de jogar. ''Sempre quis montar uma escolinha''. E foi dessa forma que o clube começou. Hoje, a estrutura já é diferente: existem um campo com dimensões regulamentares e dois de society, com grama sintética, além de instalações como vestiários, departamento médico e academia de musculação. O Litoral Futebol Clube conta hoje com mais de 300 jogadores. Ele é fruto de uma parceria entre Pelé e Pepe Altstut (proprietário da Memorial Necrópole Ecumênica), empresário também muito ligado ao esporte da Cidade. A empresa que administra o local leva o nome de P & P, da qual o Litoral é um dos braços. Dentro do clube ainda funciona a Pelé Escola de Futebol e Educação. Ela serve de celeiro para o clube e conta com os trabalhos técnicos comandados pelo ex-jogador do Santos, Manoel Maria. O Litoral também tem a coordenação técnica do tricampeão do mundo Clodoaldo Tavares Santana. O local onde se situa a sede, no bairro da Aparecida, foi cedido em caráter de comodato por outro empresário da Cidade: Armênio Mendes. ''A coisa foi evoluindo, mas continuamos com o projeto de trabalhar apenas com as categorias de base, até os juniores, sem montar uma equipe profissional'', explica Pelé. Segundo o Rei, ele entrou com o seu conhecimento e o seu nome, enquanto os custos iniciais do projeto ficaram à cargo de Pepe Altstut. ''Hoje, o Litoral é auto-suficiente'', conta o empresário. Frutos O Litoral já começa a colher os seus primeiros frutos. A equipe de juniores lidera o seu grupo no Campeonato Paulista da categoria, na Série B, invicta. O time tem jogadores como André, artilheiro da competição, e Bruno como destaques. ''O André e o Bruno já estão mostrando qualidades'', elogiou Pelé. ''São dois grandes jogadores e vamos ter surpresas com eles em breve''. O Rei voltou a declarar que a finalidade principal do clube é dar oportunidade para crianças carentes crescerem. Dentro desse projeto existe uma série de cuidados sociais. ''A estrutura visa fornecer cestas básicas e auxílio de moradia'', revelou Dênis Altstut, filho de Pepe, também ligado ao Litoral. A administração ainda mantém contatos com duas universidades de Santos. ''O objetivo é fazer uma parceria que vise à formação profissional dos jovens que não conseguirem sucesso com o futebol'', acrescentou Dênis. Intercâmbio Convites para excursões e intercâmbios não faltam. ''Mas, antes, precisamos melhorar a nossa estrutura, criando alojamentos para os atletas'', adverte Pelé, que estuda, ainda, a possibilidade de introduzir as ca- tegorias femininas. ''Estamos tendo muitos pedidos nesse sentido''. Pelé assegura que o Litoral será um exemplo profissional. ''Quero realizar um sonho sem ter prejuízos financeiros'', brinca. ''A intenção é ter uma coisa digna, séria. O Litoral vai ser mais uma força criadora de jogadores, dando oportunidade para as crianças da Baixada Santista. Tem muita gente boa de bola por aí''. (ACP)

Fonte: ATRIBUNA